BRCOIN - DCOINS

COMPRE NIOBIO CASH [NBR] - AGORA - APENAS 0.00000021 BTC | $0.0017 USD | GANHE GRÁTIS NO FAUCET

Qual seu Estado ? Cidade:

IMPERATRIZ - MARANHAO

https://g1.globo.com

Aumenta O Numero De Registros De Agressao Contra A Mulher Em Imperatriz


Fonte: g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/2018/08/09/aumenta-o-numero-de-registros-de-agressao-contra-a-mulher-em-imperatriz.ghtml


Voltar

Aumenta o número de registros de agressão contra a mulher em Imperatriz | Maranhão | G1 G1 Maranhão Aumenta o número de registros de agressão contra a mulher em Imperatriz Este ano já são 355 inquéritos abertos para apurar diferentes formas de violência contra as mulheres na cidade. Facebook Twitter email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp Por G1 MA, São Luís 09/08/2018 07h43 Atualizado 09/08/2018 09h45 Aumenta o número de registros de agressão contra a mulher em Imperatriz O índice de denúncias de casos de abusos e agressões contra a mulher tem crescido no município de Imperatriz, a 626 km de São Luís. Em todo o ano de 2017 a Delegacia da Mulher registrou 567 casos. Este ano já são 355 inquéritos abertos para apurar diferentes formas de violência contra as mulheres na cidade. Este ano já foram realizadas 39 prisões por descumprimento as medidas protetivas pela Patrulha Maria da Penha. Desde que a Patrulha Maria da Penha passou a integrar a rede de proteção e enfrentamento à violência contra mulher os números são ainda mais expressivos, mas também revelam a preocupação dos órgãos de segurança em garantir a integridade física dessas mulheres com o cumprimento das medidas protetivas. Segundo a tenente Josmara da Polícia Militar de Imperatriz, até o momento a polícia acompanha 37 inquéritos de vítimas de violência doméstica. “Chegaram 37 determinações da Central de Inquéritos para a gente acompanhar as vítimas e a audiência de custódia que sofreram violência doméstica e alguns casos mulheres que tiveram medida protetiva e não renovaram entra em contato com a Patrulha Maria da Penha e sempre nos fazemos presentes”. Foram realizadas oito conduções a delegacia de casos com relação de violência doméstica e esta semana foram registradas duas tentativas feminicídio em Imperatriz. O delegado Regional em Imperatriz, Eduardo Galvão, explica essa mudança em que na maioria dos casos os agressores têm permanecido presos após as audiências de custódia. “Hoje o descumprimento de medida protetiva é crime. Você instaura o inquérito policial e até para surpresa de todos além de não caber fiança em delegacia a maioria desses conduzidos estão ficando na audiência de custódia, onde há descumprimento e você é obrigado a instaurar o inquérito. Certamente iremos superar os números do ano passado”, disse. Uma das tentativas de feminicídio teve como vítima a jovem de 18 anos Naiara Lima que foi esfaqueada em praça pública pelo o ex-companheiro que não aceitava a separação. Ramone Rodrigues foi preso pela Polícia Militar um dia após o crime. Em todo o ano de 2017 a Delegacia da Mulher registrou 567 casos em Imperatriz (Foto: Reprodução/TV Mirante) MAIS DO G1 Justiça EleitoralTSE pode decidir 'de ofício' sobre barrar candidaturas, diz Rosa Weber Ministra tomou posse nesta terça como presidente do tribunal e vai comandar as eleições neste ano.Há 4 horas Eleições 2018 Justiça deve anunciar candidatos aptos 'o quanto antes', diz DodgeProcuradora-geral afirmou que MP tem se preparado para atuar de forma célere e efetiva nas eleições.Há 5 horas Eleições 2018 15 de agosto, quarta-feiraO que você precisa saber para começar o dia bem-informadoG1 reúne os principais assuntos de hoje.Há 2 horas Agenda do dia Contas públicasTemer recua e permite reajustar orçamento do MEC pela inflaçãoPresidente sancionou a Lei de Diretrizes Orçamentárias com 17 vetos.Há 8 horas Economia Tragédia em GênovaQueda de ponte na Itália mata 35 e deixa 9 em estado graveHá 15 horas Mundo 'Moradores estão chocados', afirma brasileiro que vive em GênovaHá 6 horas Mundo Depoimentos da Odebrecht2ª Turma do STF retira de Moro mais trechos de delações que citam LulaProcessos continuam com o juiz, que pode pedir compartilhamento de informações.Há 12 horas Política Estreia no G1JULIA DUAILIBI: PT deve registrar candidatura de Lula com certidão de SP, sem antecedentes criminaisNova colunista publicará notícias sobre política e economia em blog.Há 12 horas Blog da Julia Duailibi Eleições 20188 presidenciáveis fazem registro no TSE; prazo termina hojeHá 7 horas Eleições 2018 Veja mais globo.com Globo Notícias © Copyright 2000-2018 Globo Comunicação e Participações S.A.
... ++ Mais

TAGS:

Aumenta número registros agressão contra mulher Imperatriz Maranhão Maranhão Aumenta número registros agressão contra mulher Imperatriz Este são inquéritos abertos para apurar diferentes formas violência contra mulheres cidade. Facebook Twitter email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp São Luís 09/08/2018 07h43 Atualizado 09/08/2018 09h45 Aumenta número registros agressão contra mulher Imperatriz índice denúncias casos abusos agressões contra mulher crescido município Imperatriz São Luís. todo 2017 Delegacia Mulher registrou casos. Este são inquéritos abertos para apurar diferentes formas violência contra mulheres cidade. Este foram realizadas prisões descumprimento medidas protetivas pela Patrulha Maria Penha. Desde Patrulha Maria Penha passou integrar rede proteção enfrentamento violência contra mulher números são ainda mais expressivos também revelam preocupação órgãos segurança garantir integridade física dessas mulheres cumprimento medidas protetivas. Segundo tenente Josmara Polícia Militar Imperatriz até momento polícia acompanha inquéritos vítimas violência doméstica. “Chegaram determinações Central Inquéritos para gente acompanhar vítimas audiência custódia sofreram violência doméstica alguns casos mulheres tiveram

HTML Box Comentário está carregando comentários ...